segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

O Pescador de Girassóis (António Santos)

 

 
Um livro sobre escolhas e mudanças. A vontade de mudar. A vontade. Talvez só a vontade a ganhar pó nos ombros cansados e na mente que já não trabalha, sob a pressão dos dias feitos de rotina, do relógio certeiro. Como um tiro.
Este é um livro sobre a possibilidade das segundas vias. Da estrada secundária. Aquela que vai de encontro aos sonhos roubados, aos girassóis que brilham que nem doidos, ao sol.
Pois é. Não peçam contratos sem termo, ou o que seja. Ninguém garante a segurança dessa escolha, e a fatalidade pode estar atrás de qualquer porta. Ou - ironia religiosa - de uma igreja.
São dias. São vontades. São medos. Ingredientes fortes de um livro que enfatiza essa fraqueza humana de mudar o rumo quando já nada faz sentido.
 
Boas leituras.
 
 
Ao som de: Spin Doctors | Two Princes
 
Said if you want to call me baby
Just go ahead now
And if you like to tell me maybe
Just go ahead now
And if you wanna to buy me flowers
Just go ahead now
And if you like to talk for hours
Just go ahead now


Sem comentários: