domingo, 10 de agosto de 2014

Depois de tu partires (Maggie O' Farrell)


 
Um livro muito bom, este.
Já escrevi sobre Maggie O'Farrell e reafirmo aqui o seu talento. A sua escrita tem qualquer coisa que me faz pegar nos seus livros mais do que uma vez, como agora.
Esta é a história de Alice, uma jovem viúva, que decide viajar até Edimburgo para visitar as irmãs, mas que pouco depois de desembarcar vê algo que jamais deveria ter visto, abalando drasticamente a já sua frágil estrutura psicológica. Momentos depois, Alice encontra-se numa cama de hospital, em coma.
É nesse ponto que todo o livro se desenvolve, numa névoa de recordações e saudades de Alice, misturadas com a dor de quem perdeu o que tinha, e descobriu o que não sabia.
Com um talento irrepreensível, Maggie O'Farrell vai conduzindo o leitor numa história de perda, de descoberta, entre o passado e o presente de uma família com muitos recantos escondidos.
De um modo verdadeiramente envolvente, descobrimos segredos impulsionados pelo silêncio e forjados pelas mentiras, que acabam por não resistir à força do destino, à força daquilo que tem de ser.
 
 
Recomendo vivamente todos os seus livros.
 
Boas leituras!
 
 
www.wook.pt: Alice Raikes dirige-se à estação de King’s Cross onde irá apanhar o comboio que a levará até à Escócia para visitar a sua família. Horas mais tarde encontra-se em coma no hospital de Londres, após um acidente que se suspeita ter sido uma tentativa de suicídio. A partir daqui, Alice começa a reconstituir o passado que lhe trará respostas para o sucedido.

Sem comentários: