quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Anna e o Homem Andorinha (Gavriel Savit)

















Esta é a história de Anna, uma menina que vive as agruras da Guerra na Polónia.
Independentemente do ambiente hostil que se faz prever num contexto destes, o livro de Gabriel Savit é um forte um candidato a clássico pela sensibilidade que consegue transportar em todos os momentos da narrativa.
Esta é a história de uma menina na Guerra e que dentro da mesma, aprende forçosamente a crescer. Esse crescimento é ladeado pela mão amiga do Homem Andorinha, homem misterioso que surge do nada, e que depois de saber que o pai jamais voltará, parte com ele rumo ao desconhecido, certa porém de fugir ao desamparo que só a Guerra assegura.
O leitor acompanhará a jornada de um homem, com os seus medos mascarados, e de uma menina detentora de um conhecimento afincado das línguas e de uma curiosidade enternecedora. Juntos, percorrem e aprendem o que a vida decidiu trazer-lhes.
A sabedoria de encarar o bom onde jamais parecia possível, bem como uma amizade inabalável, destacam-se como bússolas orientadoras de uma leitura que urge perpetuar, a mais que não seja, pela História e pela capacidade de superação, dia após dia.
 
 
Bem Haja Penguin Random House!
 

2 comentários:

Isaura Pereira disse...

Deve ser um livro muito bom. Quero ler.
Mais um para o projecto Leituras do Holocausto.
beijinhos e boas leituras

Denise disse...

Olá Isaura :)

É muito bonito. Uma boa opção para o teu projeto!
Beijinhos e boas leituras